Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

riscos_e_rabiscos

.

.

Here Comes The Rain

                “The rain in Spain stays mainly in the plain”

                                                           (My Fair Lady)

 

Mas este cantinho à beira-mar plantado não é Espanha e a chuva não cai apenas na planície!

 

Após uma noitada de chuva torrencial e trovoada forte, eis que a capital acorda surpreendida com os estragos causados pela intempérie. E que continuou pelo início da manhã.

 

Desde as três da manhã que deixei de conseguir dormir. Primeiro por causa da trovoada fortíssima, depois porque eu tenho “pavor” de relâmpagos e trovoadas e ainda pelo barulho da cadência da chuva intensa. Os clarões assustavam-me e a chuva fazia-me pensar no pior.

O pobre Bóbi, que tal como eu morre de medo de trovoadas, veio aninhar-se em cima da minha cama, mais exactamente no meio das minhas pernas, fazendo com que eu ainda ficasse mais desconfortável. O pobre bicho estremecia e dava um salto cada vez que caia uma trovoada. E eu a seguir fazia-lhe uma festinha para o acalmar.

 

De manhã, quando me levantei, apercebi-me logo dos estragos que a noite tinha ocultado mas o dia revelou. A minha zona tinha vários locais alagados. Havia escolas fechadas, sítios por onde não se podia passar, trânsito caótico e lojas com alguns prejuízos, embora não tenham sido dos piores.

Tinha de ir ao banco, por isso, vesti-me e equipei-me contra a chuva. Comecei a descer a minha rua qyue parecia um rio… Já é hábito. Custei a atravessar para o outro lado do passeio e, no entanto, não estava no pico do dilúvio.

 

O cenário revelou-se bastante complicado nas zonas próximas da minha cidade, tendo, inclusivamente, um carro caído ao rio com duas mulheres. Aquela zona é crítica.

A zona do meu colégio também sofreu alguns estragos. Havia desabamentos de terras e de um muro de uma vivenda na zona das plantas.

Receei que o colégio tivesse ficado inundado pois apesar de ficar numa zona alta, aquela parte faz um baixio. Havia muita água mas não o suficiente para fazer estragos. Ainda bem!

 

Amanhã vamos ver o que nos está reservado. Espero que não sejam chuvadas deste calibre!